- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O técnico do Criciúma, Argel Fucks, não poupou os jogadores e criticou nominalmente os meias Élvis e Luiz Fernando, após o empate em 1 a 1 com o Brusque, na noite desta sexta-feira. O comandante carvoeiro disse que não houve discussão com o camisa 10 e o retirou de campo por falta de produção. “O Élvis saiu porque não estava bem. Ele não criou nada no primeiro tempo. A gente dá oportunidade para ele, para o Maranhão, para o Luiz Fernando… Não houve desacerto nenhum com ele. O jogador tem que produzir. Se ele não fizer, não é só o nome que vai colocar ele em campo. Nós esperamos muito do Élvis, ele tem muito a melhorar e dar para a equipe. No primeiro tempo, praticamente não criou nada e não fez uma boa partida. O Luiz Fernando também não conseguiu produzir praticamente nada, então, trocamos ‘seis por meia duzia’. Não produzimos nada, nem no primeiro quanto no segundo tempo”, pontuou.

O treinador acredita que o sofrimento do Criciúma continuará até o final do estadual. “Pioramos em todos os setores no segundo tempo. Vamos brigar até o final e temos que trabalhar ‘em cima do fio da navalha’. O sofrimento vai continuar até as últimas rodadas. Temos dois jogos em casa e dois fora e temos que buscar logo. Não podemos deixar para jogar a vida no campeonato na última rodada”, destacou. “O torcedor tem todo o direito de nos vaiar pois viu o time jogar apenas no primeiro tempo”, finalizou Argel.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.