Hospital São Donato prepara campanha pela UTI

A iniciativa visa acelerar a disponibilidade dos 10 leitos, contando, para isso, com a contribuição da comunidade

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Içara

O Hospital São Donato, de Içara, vai chegar a um novo patamar de complexidade com a implantação da Unidade de Terapia Intensiva. Para acelerar a disponibilidade de 10 leitos, a comunidade também poderá contribuir. Para isso, uma campanha será lançada no dia 21 de fevereiro, na Câmara de Vereadores do município. “Vamos apresentar todos os detalhes na sessão legislativa. Esperamos que a sociedade participe, pois o serviço será fundamental para salvar vidas”, explica a coordenadora, Clair Tramontin Martinello Faraco.

- PUBLICIDADE -

Publicidade

Atualmente, a entidade filantrópica recebe R$ 6,7 mil através de 2.394 faturas de energia. “Este recurso é muito importante. Mas ainda é modesto. Não cobre as despesas de energia do próprio hospital, entretanto, sempre nos ajudou. A expectativa é que possamos aumentar o valor a partir da campanha e acelerar a implantação da UTI. Somos um hospital criado pela comunidade, vocacionado ao Sistema Único de Saúde e a serviço de toda a sociedade”, coloca o gerente-administrativo, Júlio César De Luca.

As obras na UTI foram retomadas com o repasse de R$ 100 mil do Governo do Estado em 2015. A expectativa era que a conclusão estrutural ocorresse até o fim de 2016, entretanto, ainda não foi realizada a colocação dos pisos e portas. Além das adaptações físicas, será preciso também equipamentos. A estimativa é que somente em aparelhos sejam necessários quase R$ 2 milhões. Todos os leitos serão interligados a uma central de monitoramento e terão o suporte de estações móveis a partir do teto.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Içara

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.