De lance em lance, uma ajuda à Apae de Urussanga

De uma brincadeira surgiu a ideia de auxiliar a associação, que receberá o valor dos palpites de quantas sementes tem em uma abóbora exposta no município

Foto: Suelen Bongiolo/DN
- PUBLICIDADE -

Urussanga

É por meio de uma brincadeira curiosa que moradores de Urussanga estão auxiliando a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) do município com singelas doações. Através da observação de uma abóbora de aproximadamente 30 quilos, os moradores e visitantes arriscam palpites de quantas sementes tem no interior do fruto, concorrendo ao prêmio de R$ 100. Para cada lance, o apostador tem que pagar R$ 2, sendo que todo valor arrecadado será revertido à instituição. Inclusive, caso ninguém acerte a quantidade exata de grãos, o prêmio também será somado à doação.

- PUBLICIDADE -

A iniciativa inusitada partiu do proprietário de um estabelecimento comercial e radialista da cidade, Rozemar Sebastião, o “Taliano”. “Eu ganhei a abóbora de presente. O agricultor a trouxe aqui e eu pensei em deixar aqui, em exposição, para mostrar para mais gente. Aí veio a ideia de fazer essa brincadeira”, conta.

Até agora, já são mais de 180 palpites tentando adivinhar o número de sementes. As apostas são as mais variadas possíveis, chegando a alcançar 2,1 mil grãos.

 

Confira a reportagem completa na edição desta terça-feira, 25, do jornal Diário de Notícias.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Suelen Bongiolo
Em: Urussanga

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.