- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O Tricolor Carvoeiro quer deixar para trás a má fase e embalar de vez na Série B, hoje, a partir das 20h30, diante do Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli. Após a vitória de sexta-feira diante do CRB, o time treinado por Luiz Carlos Winck quer vencer o primeiro jogo fora de casa na Série B deste ano. Um fator que pode favorecer o Tigre é a crise no Figueira (leia mais na página 22). Além disso, Winck promete um time aplicado em campo. “É um clássico. Ele muitas vezes não se define na questão técnica e, sim, na aplicação, na busca em campo. Melhoramos um pouco com a vitória, a autoestima do grupo melhorou muito. Eu acho que é um momento importante para fazer um jogo desses e atuar bem visando o bom resultado”, explicou o treinador, ontem, antes da viagem para Florianópolis.

Winck - foto Fernando Ribeiro CECEm relação ao time que bateu os alagoanos, o técnico tricolor alterará três nomes: saem Diogo Mateus e Caio Rangel, ambos devido ao terceiro cartão amarelo, e Alex Maranhão com uma lesão do ombro. Entram Maicon Silva, Silvinho e Douglas Dodi.“As mudanças são pontuais. O Maicon entra no lugar do Diogo Mateus – que está muito bem nos treinamentos. Com isso, eu troco o Fabinho de lado: ele passa da esquerda para a direita. O Silvinho entra no lugar do Caio Rangel, um meia-atacante que vai compor o lado esquerdo juntamente com o Maranhão. Eles também se revezarão pelo meio no setor”, comentou Winck.

Mesmo tendo utilizado Adalgiso Pitbull na segunda etapa das partidas em que esteve a frente do Tigre, o treinador prefere deixá-lo no banco. “Nós já temos um atacante de lado, que é o Fabinho, e eu não quero jogar com dois atacantes. No outro lado, nós precisamos de dois meias que façam trocas de posições. Jogar com dois atacantes de lado, com características semelhantes: nesse momento, não. Eu quero que esse atacante, no caso o Pitbull, entre no lugar do Fabinho, quando ele cansar, para ter um reposição no setor com a mesma característica”, enfatizou.

Maranhão não treinou ontem devido às dores e acabou cortado da relação da viagem. Entretanto, Winck também acredita que o jogador precisa evoluir na parte física. “A gente está observando os números e os do Maranhão são bons. O trabalho do Deivid é um e o meu é outro. Eu gosto de muita intensidade no dia a dia, então, o Maranhão precisa retomar trabalhos de intensidade para que ele consiga manter no jogo. Só isso. Qualidade ele tem. A bola parada é muito boa. Precisa ter sequência e está tendo e espero que ele cresça ainda mais”, disse o técnico.

Maior equilíbrio na frente

Após acertar o sistema defensivo, Winck busca melhor desempenho do meio e do ataque do Criciúma. “Precisamos ter uma transição forte para chegarmos com dois ou três jogadores na área. Nós temos que frequentar a área do adversário. A defesa se encaixou bem. Agora precisamos ganhar mais no meio: criação e chegada na frente”, disse.

A melhora na defesa também se deve com a entrada de Diego Giaretta na lateral esquerda. “O Giaretta tem me surpreendido porque ele tem marcado bem: com uma bola aérea muito boa. No último jogo, o adversário teve uma diagonal longa, no final, e ele cortou. Ele está marcando bem, projetar bem e chegar no apoio. Então, é muito bom profissional e ganhou a posição no momento”, finalizou.

Campeonato Brasileiro – Série B – 7ª Rodada

Terça-feira – 13/06 – 20h30, estádio Orlando Scarpelli

FIGUEIRENSE

Thiago Rodrigues; Dudu, Leandro Almeida, Bruno Alves e Julinho; Zé Antônio, Dudu Vieira e Jorge Henrique; Robinho, Henan e Joãozinho. Técnico: Márcio Goiano

CRICIÚMA

Luiz; Maicon Silva, Raphael Silva, Edson Borges e Diego Giaretta; Barreto e Jocinei; Fabinho Alves, Alex Maranhão (Douglas Dodi) e Silvinho. Zé Roberto. Técnico: Luiz Carlos Winck

Arbitragem: Vinicius Gonçalves Dias Araújo. Auxiliares: Rogério Pablos Zanardo e Vitor Carmona Metestaine. (Trio de SP)

Atletas Relacionados

Goleiros: Luiz e Edson

Laterais: Maicon Silva e Yuri

Zagueiros: Raphael Silva, Edson Borges, Diego Giaretta e Nino

Volantes: Barreto, Jocinei, Ricardinho e Paulinho

Meias: Douglas Dodi, Caíque Valdívia e João Henrique

Atacantes: Fabinho Alves, Zé Roberto, Silvinho, Jheimy e Adalgiso Pitbull

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.