- PUBLICIDADE -

Giovane Marcelino / Especial
Criciúma

 

- PUBLICIDADE -

O primeiro sábado do mês de agosto e o último que antecede o fim de semana do dia dos pais registrou um grande volume no centro de Criciúma. Muitos aproveitaram o salário na conta e foram atrás de presentes pensando no presente para o pai. Mas os comerciantes seguem acreditando que os clientes vão acabar deixando os presentes para a última hora.

De acordo com a vendedora Maruana Goulart, que atua em uma loja de presentes na área central, o dia dos pais supera em vendas até o dia das mães. “Falamos aqui que é o nosso segundo natal, pois temos uma grande demanda e acreditamos que deverá aumentar nos próximos dias”, comentou. Ainda segundo ela, há presente para todos os tipos e gostos. “Tem para os pais que gostam de tomar uma cerveja, comer uma pipoca. As opções são diferenciadas”, complementa.

O setor vestuário é um dos que costuma ser bem visitado nesta data. De acordo com o gerente de uma loja especializada em moda masculina, Douglas Redivo, opções para eles não faltam. “Muitos filhos e mães procuram camisas, sapatos e ternos para presentear nesta data especial”, falou. Redivo fala que as vendas seguem na mesma demanda do mesmo ano. “Sempre tem as pessoas que deixam para a última hora, então esperamos que tenhamos mais venda nos próximos dias”, considerou.

Quem ainda não comprou o presente do dia dos pais, terá mais alguns dias para aproveitar. As lojas de Criciúma voltam a ter uma nova edição do Sábado Mais no próximo dia 12, onde o comércio irá atender novamente até ás 17h.

 
Escolha antecipada

Procurando um presente especial para o dia dos pais, o casal Matheus e Verônica Zeferino foram as compras na manhã de sábado. Eles foram em busca de algo para que seus pais possam usar em casa. “Viemos em busca de um kit churrasco e vamos levar”, falou Matheus.

Já Verônica aproveitou para antecipar as compras. “No próximo sábado, o movimento deverá aumentar, então viemos hoje para garantir o presente”, completou.

 

Roupas, cosméticos e sapatos lideram lista de presentes em SC

Estes serão os itens mais procurados pelos filhos. O levantamento foi feito pela Fecomércio e apontou que 55,3% buscam roupas, 12,5% buscam perfumes e cosméticos e 10,3% procuram algo na linha de calçados.

Moradores de sete cidades foram consultados. O consumo médio registrou aumento de 3% em relação à 2016. Em Criciúma, a data registrou um ticket médio de R$ 157,02 no último dia dos pais e em 2017 deverá mostrar que uma média de gasto em R$ 167,92.

 

Objetos mais procurados nas lojas de presentes:

– Kit de Churrasco
– Kit com taça de cerveja
– Canecas personalizadas
– Pantufas
– Chinelos

Objetos mais procurados em lojas de roupas:

– Camisa social
– Camisa polo
– Blazer
– Sapatos
– Roupa íntima

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.